Nossa História

São Luís Orione nasceu no dia 23/06/1872 em Pontecurone, norte da Itália, de pais humildes. Aos vinte anos, começou a interessar-se pelos meninos pobres, reunindo-os num pequeno colégio em Tortona. 

Este caminho o levou a difundir obras de ajuda aos necessitados de todos os tipos. 

Para realizar seu anseio de fé, de confiança na Divina Providência, criou a Pequena Obra da Divina Providência, uma família religiosa com muitos ramos: “Filhos da Divina Providência” (Padres, Irmãos e Eremitas), as “Pequenas Irmãs Missionárias da Caridade, Sacramentinas Cegas, os Leigos Consagrados (ISO) e os variados grupos de membros do “Movimento Laical Orionita”.  Que formam a família Carismática Orionita.

Dom Orione foi missionário e enviou missionários para muitos países, iniciando pelo Brasil. Criou centros de saúde e de educação para os mais necessitados, criou obras missionárias, apostólicas e caritativas, das quais a mais característica é o Pequeno Cotolengo. 

Seu lema foi “Renovar tudo em Cristo” e seu brado de fé: “Fazer o bem sempre, o bem a todos, o mal nunca a ninguém”. 

Morreu em Sanremo na Itália no dia 12 de março de 1940, sua canonização foi no dia 16 de maio de 2004.

Conheça outras unidades

QUEM SOMOS?

Somos uma Entidade Filantrópica ligada à Congregação de São Luís Orione, que desde 1964 se destina a acolher, em regime de MORADIA, crianças portadoras de necessidades especiais, que sejam carentes e/ou sem família.

O QUE FAZEMOS?

O Cotolengo tem sistema de moradia e proporciona a manutenção do deficiente, desde as necessidades básicas como alimentação e vestuário, até aparelhos como órteses e próteses.

COMO FAZEMOS?

Todos os profissionais trabalham dentro do conceito de interdisciplinaridade, promovendo o desenvolvimento máximo das potencialidades dos moradores da entidade para uma melhor qualidade de vida.

MISSÃO

Ser em Cotia e Região, a instituição de referência no atendimento da pessoa com deficiência. com deficiência.

VISÃO

Excelência no atendimento qualificado a pessoa com deficiência. Respeito às diferenças.

VALORES

Fé, caridade, ética, comprometimento e respeito às diferenças. Respeito às diferenças.